BlogBlogs.Com.Br
Seja bem-vindo ao blog Consciência Acadêmica.

Impressões pessoais sobre notícias ou sobre episódios cotidianos, além de informações de utilidade pública.

sábado, 4 de outubro de 2008

ATENÇÃO, ELEITORES



Alerta para as eleições

ATENÇÃO, VOCÊ, QUE VAI VOTAR AMANHÃ. SIGA MEU CONSELHO: NÃO SEJA UM DOS PRIMEIROS NA FILA DE SUA SEÇÃO ELEITORAL.

Há rumores de que as pessoas que trabalham em algumas seções eleitorais costumam pegar só de sacanagem alguns dos primeiros eleitores que chegam para obrigá-los a ficar lá e trabalhar também, sob pena de irem para a cadeia. Não sei se isso é obra do pessoal que já está lá trabalhando à força para descontar em alguém ou é obra dos funcionários concursados da Justiça Eleitoral. Ora, a gente já é obrigado a ir lá votar, cumprindo nosso “dever de cidadão” (pura demagogia retórica), e ainda querem nos forçar a fazer mais de uma hora para outra. A meu ver isso é um abuso. Muita gente vota longe de casa, em outra cidade. Já tem tudo planejado: passagem comprada, votar e voltar para casa. E se acontece um imprevisto como esse??? Se pelo menos chamam com bastante antecedência para treinar e habilitar o sujeito na função de mesário, por exemplo, é aceitável. Até porque, se não chamarem, ninguém vai trabalhar nas eleições. Vejam como o governo é ardiloso: para a Justiça Eleitoral, é mais lucrativo coagir cidadãos aleatoriamente para trabalhar nas eleições recebendo gratificações simbólicas e pífias do que realizar um concurso público decente para preenchimento maciço de quadro permanente de funcionários capacitados e idôneos. Como os funcionários do DETRAN cearense, por exemplo, estão em greve, só falta intimarem cidadãos ao acaso para trabalharem como guardas de trânsito ou fiscalizarem os exames de habilitação.
Nos Estados Unidos, vulgo “terra da democracia”, o voto é facultativo e ainda existe a opção de votar em trânsito, ou seja, o sujeito pode votar em qualquer lugar do país. Poucas pessoas votam naquele país, talvez por desestímulo. O sistema é atrasado, de eleição indireta, pelo menos na eleição presidencial. Não vence quem tiver a maioria dos votos válidos, mas quem tiver mais votos nos Estados com maior número de colégios eleitorais, que são os lugares onde o voto pesa mais. Em resumo, as eleições presidenciais dos EUA são como as eleições para reitor nas universidades brasileiras, nas quais não há paridade dos votos. Então, o governo americano está realizando uma campanha para incentivar as pessoas a votarem. Uma campanha curiosa, com a imagem de uma atriz amordaçada. Por que eles ainda não adotaram a urna eletrônica??? Boa pergunta. Bem, o importante é que, apesar da atual crise dos bancos e das bolsas de valores ianques, os moradores daquele país ainda vivem bem, obrigado, para eles corre tudo bem. Eles não se preocupam em escolher suas lideranças, mas devem ter a certeza de que, seja lá quem estiver no comando, terá maior zelo com a sociedade e com os bens públicos do que muitos políticos brasileiros teriam.
Voltando à nossa medíocre realidade, se existe alguma lei que permite “agarrar” pessoas de última hora para trabalhar na votação, por que eles não divulgam isso??? POR QUE O SILÊNCIO??? POR QUE A LAVÍNIA VLASLAK NÃO EXPLICA ISSO???
Se algum dia eu for político, defenderei o fim do voto obrigatório, para diminuir o espectro de autoridade da Justiça Eleitoral sobre o povo brasileiro e, conseqüentemente, acabar com a prepotência deles.
Se existem leis que dão carta branca para os demandos do “grande irmão”, por que não mudá-las??? Já tá na hora de cortar as asinhas desse “grande irmão” que controla tudo, nesta época do ano, corrompendo a liberdade de imprensa na última semana, ao impedir a realização de debates entre candidatos à prefeitos de diversas cidades em emissoras da Rede Globo, proibe as pessoas de beberem cerveja num domingo de sol quente e é capaz de mandar apagar meu blog por esses dias. Ainda chamam isso de “Festa da Democracia”. Para mim, parece mais “Estado de sítio”, até porque chegamos ao ponto de precisar mobilizar o Exército para se encarregar da segurança em algumas cidades.
Trocando em miúdos, aceite meu conselho: evite votar pela manhã. PASSE ADIANTE, POR FAVOR.

Um comentário:

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Amigo:
É com tristeza que vem despedir-me, pois estou deixando a Blogosfera, pelo menos por ora. O Blog ainda é meu e mantive o perfil, caso um dia volte. Fiz um post de despedida. Se quiser despedir-se de mim, apareça.
Foi muito bom conhecê-lo.
Um beijo,
Renata Cordeiro